Sábado, 27 Janeiro 2018 10:17

ASSEMBLEIA COM PARALISAÇÃO: ATO/PROTESTO.

Escrito por

Conforme postamos em matéria anterior, houve a nomeação de alienígena na Dirtec no dia 28/12 mas o servidor estava aguardando a liberação da PCDF e só tomou posse nessa sexta-feira, dia 26/01/2018. A diretoria do sindicato vem avisando a Direção do Detran e a categoria que faria uma ASSEMBLEIA a qualquer momento. Essa assembleia ocorreira quando da posse do novo Diretor, pois antes não haveria sentido. Durante esse período, a diretoria trabalhou com assessores e parlamentares para que interferissem nessa situação para que o servidor não tomasse posse. Caso não tenha visto, veja o nosso ALERTA que postamos no site (23/01), facebook, email, whatsapp Sindetran e outros meios disponíveis:

 

CASO DIRTEC: ALERTA DE ASSEMBLEIA E PARALISAÇÃO:

http://www.sindetrandf.org.br/noticias/item/1178-caso-dirtec-alerta-de-assembleia-e-paralisacao

 

Diante da posse ocorrida em 26/01/2018, (sexta-feira), a diretoria convocou ASSEMBLEIA GERAL para essa segunda-feira, dia 29/01/2018, COM PARALISAÇÃO a partir das 08h e ASSEMBLEIA A PARTIR DAS 09:30h em primeira chamada. Mesmo com a posse ocorrida na sexta-feira, o novo diretor não apareceu na Dirtec e não convocamos para sexta, pois não daria tempo de mobilizar a categoria. Portanto, nesse contexto, estamos convocando todos os servidores para ASSEMBLEIA GERAL, na SEGUNDA-FEIRA, DIA 29/01, a partir das 09:30h no ESTACIONAMENTO DA DIRTEC (prédio do TSE/ARQUIVO PÚBLICO, que fica próximo à garagem da TCB, vulgarmente conhecido como "POMBAL".

Embora seja de conhecimento de todo trabalhador público ou privado, não custa lembrar que TODOS têm direito a participar de ASSEMBLEIAS, ATOS, PROTESTOS, convocados por seu sindicato, desde que este cumpra todas as formalidades legais. A PARALISAÇÃO será durante o período da assembleia e está amparada pela legislação. Para que a população não fique totalmente descoberta nesse momento inicial de luta, sugerimos que cada setor possa manter 20% do efetivo para atendimento, por questão de respeito à população e pelo nosso profissionalismo, mas não por questões legais. 

A imagem pode conter: texto

 

GDF FINALMENTE VAI ATENDER O SINDETRAN: CATEGORIA DEVE SE MOBILIZAR PARA 2018.

 

Desde dezembro, como temos noticiado aqui, pedimos reunião com o secretário da Casa Civil GDF para que tratemos das demandas da categoria não efetivadas nesse governo desde 2015. Com a falta de resposta do GDF e também pela insatisfação dos colegas com a nomeação feita na Dirtec, reforçamos esse pedido e, finalmente, o GDF contatou a diretoria do sindicato e afirmou que atenderá o Sindetran nessa próxima semana. A pauta que pedimos são as demandas da categoria e as indicações para as diretorias de pessoas não pertencentes ao quadro efetivo do Detran/DF. Assim que tivermos o resultado dessa reunião, passaremos todas as informações para a categoria.

Desde já, alertamos a toda categoria que devemos permanecer em estado de alerta e mobilização, pois se a prática do GDF não mudar (de não atendimento, descaso com o serviço público, etc), precisaremos novamente ir para o enfrentamento. Esse é o pensamento da diretoria, diante desse governo, que pela primeira vez na história, não atende a pauta financeira dos servidores do GDF. É o pensamento da diretoria, mas TODAS AS DECISÕES continuarão sendo tomadas na ASSEMBLEIA dos servidores. E o ideal é que em 2018, haja uma maior participação nas ASSEMBLEIAS, seja de servidores ADMINISTRATIVOS, seja de servidores da FISCALIZAÇÃO de trânsito. Unidos, somos mais fortes. 

Lembramos que estamos em ano eleitoral, o GDF já saiu dos limites da LRF e está com o caixa cheio, com o assalto feito aos fundos do IPREV/DF. Lembramos que fomos contra e lutamos contra esse assalto, mas agora que foi votado e fomos vencidos, precisamos lutar para que esses recursos sejam utilizados para o serviço público (que atende à sociedade) e para os servidores. Portanto, há todo um cenário possível de mudanças, mas independente disso, precisamos estar mobilizados e preparados para a luta. Estaremos acompanhando e informando o cenário a todos. Se o GDF não atende, se a negociação e o diálogo não resultam em resultados positivos, só existe o caminho da LUTA. E nunca fugimos dessa segunda possibilidade. Estaremos atentos e preparados. 

Imagem relacionada

 

SINDETRAN/DF: PELA MANUTENÇÃO E AVANÇOS DOS DIREITOS. 

  

Última modificação em Sábado, 27 Janeiro 2018 12:39

Acesso Restrito aos Filiados

Acesso para os filiados do Sindetran/DF