Segunda, 09 Setembro 2019 15:34

TERCEIRIZAÇÃO? SINDETRAN COBRA EXPLICAÇÕES.

Escrito por

Em matéria anterior, noticiamos que foi publicado no DODF, a criação de uma comissão no Detran para apresentar um projeto que inclua os serviços de remoção, guarda, vistoria e leilão de veículos apreendidos. A referida comissão é formada por alguns servidores do Detran e outros não pertencentes ao quadro. Já alertamos os servidores sobre os perigos e perdas com uma possível terceirização desses serviços. Continuaremos trabalhando para mostrar para a população que essas práticas geralmente apresentadas como uma modernidade, melhoria dos serviços, nem sempre é o que acontece, e o pior de tudo, as tarifas aumentam e a qualidade do serviço diminui. Caso não tenha visto essa matéria, acesse o link abaixo, para maior conhecimento.

 

COMISSÃO ESTUDA "ALTERNATIVAS" PARA SERVIÇOS DO DETRAN:

 

 IMAGEM 1 TERCEIRIZAO

 

O Sindetran/DF cobra explicações:

A diretoria do Sindetran/DF continua atenta e preocupada com a onda de privatizações e terceirizações sem limites que rondam tanto o Governo Estadual quanto o Governo Federal. Diante disso, protocolamos uma Carta Ofício (Interpelação ExtraJudicial) ao Detran/DF, solicitando informações sobre os trabalhos da Comissão, a cópia do projeto/proposta quando concluída e informando sobre a legislação das nossas carreiras e as possíveis vedações a esse tipo de iniciativa. 

Sabemos e concordamos que o Detran precisa de muitas melhorias e inovações, mas sempre defendemos que o Estado continue desempenhando esse papel, principalmente nos casos em que as atribuições devem ser exercidas pelo poder público, com os seus servidores concursados. Os dados pessoais dos cidadãos, dos veículos, das habilitações, as vistorias, etc, devem ser resguardados de todos os perigos inerentes à transferência desses serviços para terceiros. Os danos são incalculáveis quando se terceirizam essas funções de Estado, que envolvem dados pessoais da população.

O Detran é uma Autarquia que deve ter a autonomia para gerir suas necessidades e demandas para prestar melhores serviços à população. Temos necessidade de invovações tecnológicas, melhorias no sistema de informática, melhorias nas instalações prediais (muitas ainda alugadas), temos necessidade de recursos humanos (atualmente temos um déficit de 500 servidores) dentre outras carências. Acreditamos que se houver vontade política das autoridades e real preocupação com as questões do trânsito, o Detran/DF pode voltar a ser o melhor do país, contribuindo para a eficiência e excelência no atendimento ao cidadão. Além disso, é importante observar que a gestão do Detran deve ser feita por pessoas técnicas do quadro, que têm conhecimento técnico dessas questões específicas. Atualmente, o Detran está sendo ocupado por pessoas fora do quadro, por indicações políticas. Muitas com qualificação, porém sem habilidade nas questões que envolvem as missões do Detran, previstas no Código de Trânsito Brasileiro. É isso que defendemos também, ou seja, servidores do quadro ocupando os cargos de Direção, Gerência e Chefia da autarquia, principalmente as que exigem conhecimentos técnicos sobre o funcionamento do Detran/DF. Como exemplo, a Dirconv, Direduc, Dirpol, Dirtec e CGATE. Quem deve cuidar do trânsito é o Detran, com seus respectivos técnicos no assunto. 

Veja o documento do Sindetran/DF entregue à direção do Detran/DF:

 SDT   Img ofcio terceirizacao 2019

 

 

 IMAGEM 2 TERCEIRIZAO

 

 

 

 SINDETRAN/DF: Modernizar SIM, Terceirizar NÃO. 

Última modificação em Terça, 10 Setembro 2019 17:21

Acesso Restrito aos Filiados

Acesso para os filiados do Sindetran/DF